segunda-feira, 4 de setembro de 2017

O vão de um coração - Lucas Jammal

Pássaro sem asa,
Lua sem luar,
Timidez sem casa,
Vão é se mostrar...

Todos vão pro nada,
Nada a se firmar,
Afirmação calada,
Firmes vão chorar...

Mas se é tudo em vão,
em vão quero sofrer,
se o que eu sinto é solidão,
na escuridão quero viver.

quinta-feira, 17 de agosto de 2017

Destino da lua - Lucas Jammal

F#m
   Destino da lua...
F5+
   Não ser de ninguém...
E
  Andando na rua...
D#m
  Nua, até o além...

D
  Sempre na procura...
Ddim
  De um amor infinito...
C
  Com a alma escura...
Cdim
  Tudo é tão bonito...

        A
Mas nada se toca e eu não posso olhar...
      F#m
Eu não posso ter alguém para amar...
       A
São todos pedaços e eu também sou...
     F#m
Ninguém aparece, não sei pra onde vou...

                  F#
Destino da lua...
                     F#m
Luar sem destino...
                  F#
Destino da lua...
                     F#m
Luar sem destino...

quarta-feira, 16 de agosto de 2017

Bobão - Lucas Jammal

Queria ter morrido no lugar do teu irmão,
Pois não sirvo nem pra te encontrar,
Só repito as coisas, vivendo plena solidão,
O que sou além de um pobre amar?

Só busco o amor e fortes sentimentos,
Mas de que adianta tanta busca se nem posso tocar,
Sou a grande máquina eliminadora de momentos,
Sou o forte momento de me ofuscar.

Sou o contentamento em qualquer lugar,
Cansado da vida, deixo o tempo passar,
Sem sair do lugar, como o mundo, girando.

E então fico tonto e caído, no chão,
Não levanto, pois tudo que fiz foi em vão.
Mas vivo. Mesmo que em lugar nenhum estando.

terça-feira, 15 de agosto de 2017

Privilegiado - Lucas Jammal

Nesse mundo onde quase todo homem está sozinho,
Sou privilegiado por ter uma namorada,
Sou privilegiado por ter alguém que me dá tanto carinho,
Sendo que as vezes, nem preciso dar nada.

Seria muito ruim não ter alguém pra mim,
Viver dias solitários, eu não iria aguentar,
Eu sou muito romântico, esse seria meu fim,
Do que valeria a vida sem ter alguém pra amar?

E você é tão, tão jovem na cama...
E ah! Com o tanto que você me ama,
Não deve ter sobrado amor pra mais ninguém.

Sem você eu ficaria sozinho e fracassado,
Buscando em amizade, algum amor desperdiçado,
Amando intensamente, mas tratado com desdém.

Mulheres amam " não " - Lucas Jammal

Escolha para namorar,
A mulher que você menos ama,
Pois é esta que poderá lhe amar,
E somente esta que irá contigo até a cama.

E essa irá muito te cuidar,
Pois irá precisar da tua atenção,
E coisas doces essa irá falar,
Para tentar ganhar teu coração.

Mas se ganhar... outra mulher você deve desejar
E teu coração, deve entregar rapidamente,
Pois qualquer mulher só consegue gostar
De quem, com ela, nunca está contente.

E descontente, ela irá achar que vive grande paixão,
E se sentirá segura, pois o amor é a única ameaça...
É fato, toda mulher é apaixonada pelo " não ".
Desista de ser caçador. Amor só se caça sendo a caça.

Querer não te torna especial - todo mundo quer -
A paixão é odiada por todas elas, só causa dor,
Pois o que mais apaixona qualquer mulher,
É a inteligência emocional, é ausência do amor.

sexta-feira, 11 de agosto de 2017

Te ofereço - Lucas Jammal

Te ofereço felicidade,
Você nega.
Você prefere uma amizade...
Cega...

Te ofereço todo meu amor,
Mas sou péssimo em negociar,
Você então prefere a dor,
Que amar.

Me abro pra você sem parar,
Você prefere se calar
Que o meu amor repetitivo...

E então prefere fazer cara triste,
Pois dentro de ti não existe
dos meus sonhos, o mais vivo.

quarta-feira, 2 de agosto de 2017

Você tem que sentir - Lucas Jammal

Eu não to pedindo,
Também não to insistindo,
Só sei que essa é a melhor proposta,
Quer bater uma aposta?
O amor deveria sempre ganhar,
Se não fosse essa vida tão real,
Seria tão romântico amar,
Não adianta eu insistir no que não é normal.

Não é normal amar, isso é tão evidente,
Mas quero te encontrar tão sorridente,
E perceber que fui eu, fiz você sorrir!
Eu oro pra te fazer sentir!
Mas só se você sentir primeiro,
Esse meu sentimento verdadeiro,
Mas antes você tem que sentir
Um sentimento inteiro.

E se hoje eu não faço nada,
É condenado de tento pensar,
Um pensamento de tentar te agradar,
Mas me perco na estrada
E perco tudo que é dom
E nem consigo me amar mais,
Pois não realizo nada daquilo que eu quero,
Mesmo assim, eu paro, penso e te espero,
É só você fazer um som,
que eu deixo tudo pra trás.